MATÉRIAS DA FIC FRIO

 

 

PRESSÃO DE TRABALHO

Limites e parâmetros devem ser seguidos para que o máximo aproveitamento do sistema de refrigeração seja alcançado

Pensando na segurança de profissionais e de equipamentos – e em seu adequado manuseio e funcionamento – a Fic Frio dá continuidade à série Precauções de Segurança, desta vez abordando a pressão de trabalho nos sistemas de refrigeração.

Esse assunto é muito importante para qualquer tipo de instalação, pois o conhecimento dos parâmetros de pressão permite identificar diversas variáveis da operação e desempenho do produto.

Os limites das pressões de trabalho, superior e inferior, podem ser compreendidos com base na janela de aplicação, disponível na ficha técnica de cada compressor, e devem ser respeitados para um bom funcionamento do equipamento.

Na tabela a seguir é possível observar as diferentes faixas de aplicação conforme os limites de temperaturas (mínimo e máximo) de cada uma. Assim, a tabela permite converter as temperaturas limites em pressão de acordo com o fluido refrigerante utilizado no sistema.

Para a pressão máxima, a Tecumseh recomenda que a temperatura de condensação de 60°C não seja ultrapassada. Por exemplo, a conversão em pressão ao utilizar o fluido refrigerante R404A seria de 403,7 psig (27,8 bar). Caso sejam atingidos valores superiores aos limites, graves acidentes podem ocorrer. Portanto, é imprescindível seguir as recomendações de instalação do fabricante.

Como as pressões de trabalho estão relacionadas de acordo com cada aplicação, elas não terão as mesmas temperaturas de evaporação e condensação entre os diversos sistemas de refrigeração. Por conta disso, há variações para diferentes
equipamentos.

A tabela a seguir traz uma referência que serve como base para o tipo de aplicação, faixa de temperatura, diferencial de temperatura (DT) no evaporador e seus ajustes recomendados de pressão.

É importante que todos os procedimentos do fabricante do equipamento sejam seguidos e que as boas práticas de refrigeração sejam cumpridas.

Além disso, outras edições da Fic Frio trazem demais recomendações para a instalação de produtos e boas práticas. Na Fic Frio edição Nº104 é possível verificar como ajustar corretamente os pressostatos – componentes responsáveis por proteger o compressor contra subpressão ou sobrepressão. A edição  Nº83 contém informações de como proceder para correto balanceamento do sistema – o dispositivo de expansão, seja ele um tubo capilar ou uma válvula de expansão, deve ser ajustado corretamente, bem como a quantidade de carga e o acréscimo ou retirada de fluido refrigerante, para que o máximo aproveitamento do sistema seja atingido.

No website da Tecumseh (www.tecumseh.com), na aba Biblioteca, estão disponíveis materiais com mais recomendações. 

O ACERVO COMPLETO DA FIC FRIO EM UM SÓ LUGAR

Você acompanha todas as matérias da Fic Frio? Aproveite gratuitamente todo o acervo de textos produzidos pela revista desde 2010.

São mais de 20 edições e também números especiais.

Pesquisar matérias:


No final desta página, você pode pesquisar as diversas matérias das revistas pelo ano ou por edição. Confira logo abaixo.